Notícias

O primeiro-ministro canadense Justin Trudeau está sendo criticado por uma foto de 2001 mostrando seu rosto pintado de marrom.

Uma semana depois de lançar sua campanha de reeleição, o primeiro-ministro canadense Justin Trudeau se viu no centro de uma controvérsia racial.

A revista TIME publicou uma foto ressurgida na qual o político é visto vestindo o rosto pintado de marrom. A publicação relata que a imagem apareceu no anuário de 2000-2001 de uma escola particular onde Trudeau, então com 29 anos, estava ensinando. Como você pode ver abaixo, o PM estava vestindo um turbante branco com o rosto, o pescoço e as mãos cobertos de maquiagem escura. A foto incluía três outras mulheres, uma das quais estava sendo abraçada por Trudeau.

Zita Astravas, porta-voz do Partido Liberal de Trudeau, confirmou que o homem na imagem era, de fato, o primeiro ministro.

“Foi uma foto tirada enquanto ele lecionava em Vancouver, no jantar anual da escola, que tinha o tema de fantasia de ‘Noites da Arábia'”, disse Astravas. “Ele participou de amigos e colegas vestidos como um personagem de Aladdin.”

Trudeau abordou a controvérsia na noite de quarta-feira a bordo de um avião com repórteres. O primeiro-ministro reconheceu que o brownface era racista e lamentou sua decisão.

“Eu não deveria ter feito isso. Eu deveria saber melhor, mas não sabia. E sinto muito”, disse ele. “… eu assumo a responsabilidade pela minha decisão de fazer isso … era algo que eu não achava racista na época, mas agora reconheço que era algo racista a se fazer”.

Ele continuou: “… vou pedir aos canadenses que me perdoem pelo que fiz … foi uma coisa estúpida de se fazer. Estou decepcionado comigo mesmo, estou chateado comigo por ter feito isso. Gostaria de não ter feito, mas fiz. “

Sem comentários