Notícias

Madonna perde o recurso do tribunal para impedir a venda da carta de Tupac.

Madonna acabou de perder uma apelação ao tribunal para impedir a venda de uma antiga carta de separação que Tupac escreveu para a cantora na cadeia.

Um juiz fez a decisão em audiência na terça-feira (4 de junho). De acordo com novos documentos jurídicos obtidos pelo TMZ, um tribunal de apelações do Estado de Nova York decidiu que Madonna não pode processar o consultor de arte Darlene Lutz ou a GottaHaveRockandRoll.com, a casa de leilões online, para impedir a venda da carta de Tupac.

O apelo vem do processo de 2018 de Madonna, no qual tentou impedir a venda da carta. Na carta de rompimento escrita à mão, Tupac confessou que terminou seu relacionamento com Madonna porque ela é branca. Um juiz já havia descartado o caso, citando um comunicado que o cantor assinou em 2004. O tribunal de apelação confirmou a sentença do juiz em uma decisão de 5-0.

A carta da Tupac será oficialmente licitada em julho de 2019.

Sem comentários