Notícias

Mulher nega o envolvimento de Chris Brown em caso de estupro.

Uma mulher se manifestou para esclarecer o envolvimento de Chris Brown na acusação de estupro em Paris.

Na segunda-feira (21 de janeiro), uma mulher chamada Kim Ford compartilhou várias mensagens em sua história no Instagram, negando alegações de que Brown e seu segurança abusaram de uma mulher. Ford diz que “nada aconteceu”, mas ela foi atingida por um homem que não era o cantor. Ford também disse que não foi ela quem acusou o artista de agressão sexual.

“Eu não sou a pessoa que disse que Chris Brown me estuprou”, disse ela. “Eu estava lá, mas nada aconteceu e o homem que me bateu não tinha relação com Chris Brown.”

Notícias anteriores afirmaram que uma mulher não identificada alegou ter encontrado Brown em uma boate parisiense na rue de Ponthieu, perto da Champs-Elysées, na noite de 15 de janeiro a 16 de janeiro, antes de voltar para o quarto de Brown no La Mandarin Oriental.

Brown foi visto recentemente curtindo as festividades da Paris Fashion Week. O cantor compartilhou o vídeo do ensaio de dança na cidade francesa no fim de semana.

Ele não comentou sobre a alegação de violação relatada.

Veja as reivindicações de Ford abaixo.

Sem comentários