Notícias

John Legend chama R. Kelly de estuprador de crianças em série no documentário.

John Legend, que aparece em documentários da Lifetime “Surviving R. Kelly”, criticou R. Kelly durante sua entrevista no episódio final, que vai ao ar no sábado. “R. Kelly trouxe tanta dor para tantas pessoas ”, disse o músico. “#TimesUp para R. Kelly.” John Legend é o único grande artista a aparecer na série.

Após a exibição dos dois primeiros episódios na quinta-feira, Legend foi ao Twitter para explicar por que ele escolheu participar. “Para todos me dizendo como eu sou corajoso por aparecer no documentário, não me senti arriscado”, ele twittou. “Eu acredito nessas mulheres e não dou a mínima para proteger um estuprador infantil em série. Decisão fácil.

Legend também deu suporte ao documentarista e produtor de séries Dream Hampton por seu trabalho. “Devemos todos agradecer a minha amiga @dreamhampton por seu trabalho muito necessário para criar #SurvivingRKelly”, ele twittou. “Esses sobreviventes mereciam ser levantados e ouvidos. Espero que isso os aproxime de algum tipo de justiça. ”

Um representante de Kelly se recusou a comentar sobre os tweets de Legend para a Rolling Stone.

Em abril, Legend compartilhou seu apoio ao movimento #MuteRKelly, que foi ainda estimulado por Women of Color of Time’s Up em uma carta aberta que pedia à indústria da música que cortasse os laços com Kelly. “Eu estou com as mulheres do #timesup #muterkelly”, ele twittou na época enquanto compartilhava a carta aberta.

Os episódios restantes vão ao ar sexta e sábado às 9 da noite. ET no tempo de vida.

Sem comentários