EssênciaNotícias

7 indicações de racismo das pessoas ao seu redor.

Você provavelmente conheceu algumas pessoas ótimas que parecem boas no começo, mas elas ocasionalmente lançam alguns comentários inapropriados sobre #pessoas #negras sob o disfarce de serem engraçadas. Zombar da #etnia de alguém não é engraçado – na verdade, é #racista, especialmente se você perceber esses sinais.

1. Quando toda piada que seu amigo faz sempre tem um tom racial.
Os racistas jogam jogos psicológicos testando-o com piadas antes de expressar visões abertamente racistas. Uma maneira comum de fazer isso é contar uma piada étnica e ver como a outra pessoa ou o grupo reage. Se houver desaprovação, o racista pode se calar. Com o menor sinal de aprovação, eles revelam suas verdadeiras visões.

Pessoas normais que não são racistas simplesmente não fazem piadas racistas porque elas não são engraçadas. Não é uma piada casual – é racista. Não há desculpas para piadas racistas. Você não deve encorajar essas piadas, não importa o quão familiarizado você seja um com o outro.

2. Eles começam frase com “Eu não sou racista, mas ..:
Qualquer um que diga essas palavras é automaticamente racista. Não há como qualquer coisa inteligível chegar depois dessa frase. Em qualquer outro contexto, se você dissesse essa frase, soaria estranho. Que tal: “Eu não sou um assassino, mas …?” Assustador! Se ele não fosse racista, ele não precisaria dizer nada.

3. Eles dizem que têm amigos negros como prova de que não são racistas.
Ter um amigo, um namorado(a) ou até mesmo uma filho de outra etnia não prova que você não é racista.

Por exemplo: Eu conheci uma família que brinca sobre o cabelo de criança biracial na família. Eles sempre dizem que o cabelo dela é ruim. Que ela herdou do lado Baiano da família.

 

4. Eles não se importam com os sentimentos de outras pessoas. Ou sendo politicamente correto.

O termo politicamente correto é usado para descrever a evitação de linguagem ou ações que são vistas como excluindo, marginalizando ou insultando grupos de pessoas que são vistas como desfavorecidas ou discriminadas, especialmente grupos definidos por sexo ou raça. Então, qualquer um que não se abstenha de usar linguagem que possa machucar os outros quando ele poderia facilmente dizer algo diferente. Qualquer um que “odeia ser politicamente correto” é apenas um racista idiota.

Um bom exemplo de pessoas assim são Donald Trump e Bolsonaro.

 

5. Ser culpado de microagressões raciais.
Microagressões são sua forma clássica de racismo sutil. De acordo com o professor de Columbia, Derald Sue, as microagressões raciais são “indignidades comportamentais verbais, comuns ou intencionais, breves e comuns, que intencional ou não intencional, que transmitem insultos raciais hostis, depreciativos ou negativos a pessoas de cor”. observações estereotipadas ou suposições sobre uma etnia.

 

6. Eles dizem que não vêem raça. Que todos nós somos humanos.
Isso pode parecer uma coisa boa no começo, mas na verdade, é apenas ignorar completamente o racismo, que é o maior problema no Brasil com a negação do racismo pelo neutralismo racial. De acordo com Stephen Colbert, quando as pessoas e “daltônico”, elas não querem dizer que não podem ver verde ou vermelho; em vez disso, eles estão sugerindo que eles nunca podem ser racistas porque eles não registram a cor da pele. ”

Isso poderia nos trazer de volta ao debate sobre a visibilidade racial. Isso é apenas uma besteira total. As mesmas pessoas irão treinar seus filhos para serem racialmente daltônicos, o que provou ser o pior método para ensinar as crianças sobre o racismo. Diga às crianças a verdade: a cor é uma parte de nossas vidas. A cor da nossa pele é importante. E é algo que devemos abraçar e amar.

 

7. Eles nunca te chamam pelo seu nome real. (Me Negao, Meu Negrinha, Meu Pretinha, Morena!).

Esta é uma maneira totalmente racista de chamar uma pessoa negra. Seus amigos, colegas de trabalho, vizinhos devem saber seu nome e chamar você pelo seu nome. É totalmente ridículo. Este é o mesmo conjunto de pessoas que sempre se defendem dizendo que têm um amigo negro, mas não sabem o nome do amigo porque nunca o chamaram pelo nome.

Alguns outros sinais que você deve ignorar:

– Pessoas que veem outras raças como inferiores
– Rindo com a aparência de uma pessoa negra.
– Aqueles que sempre desacreditam qualquer coisa que uma pessoa negra faz.
– Aqueles que se opõem a bolsas de estudos ou oportunidades que levam a etnia a uma consideração especial, porque acham que é injusto.
– Aqueles que sempre te acusam de “transformar isso numa coisa racial”.
Aqueles que pensam que o Privilégio Branco não existe.
– Aqueles que ficaram com raiva de ler este artigo.

Sem comentários